sábado, 21 de julho de 2007

Felinos



Minha irmã, que é minha melhor amiga, me deu de presente pelo dia do amigo fotos e este poema felino:

Ana,
os seus "amores" pelo dia do amigo.
Não pode tê-los.
Apenas, vê-los.
Os pelos são a sua pena.
Que pena!
São suaves como penas
E os pelos macios
Massageiam a nossa alma.
Mesmo com loratadina
vale a pena tocá-los.

Beijos,
Bia.

2 comentários:

mario disse...

uma familia de poetas!
muito lindo mãe!
beijo

Casulo Temporário disse...

Esse gordo e fofo é Shake. O rei sobre a mesa, naturalmente, é Milk.