Espera


Chega o fim do ano e espero.
Por tanto, espero.
Dezembro trará, impresso, meu novo livro, A impossível transcrição.
As ilustrações de Álvaro Machado fazem dança nele.
Chega à casa um gatinho, ainda sem nome.
Trabalho dentro do impossível que é fechar um ano e aposto no que fica impresso, em papel ou coração: sombra, reflexo, rastros do vivido.
Looking forward to.


Looking forward to. Forte São Marcelo, Salvador. Foto de MVítor.

Comentários

Raiça Bomfim disse…
Pois eu quero é seguir o rastro do que fica impresso em papel(lembra de avisar quando o livro sair!!!) e sempre que possível comungar, na leveza dos encontros- de alma, palavra, silêncio, carinho-, do que fica no coração.

Beijocona, Ana.

Postagens mais visitadas