terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Felinices



A casa está cheia de felinices.
E eu, de silêncios, agora que, a um só tempo, preparo-me para divulgar tantas palavras.
Um livro que vai a lume, após ser germinado, desmontado, esquecido, decantado, recolhido, ao longo de tantos anos...
Enquanto isso, o gatinho ilumina recantos e lugares.
Frederico. Fotos de MVítor, que foi desafiado à difícil proeza de "capturar" um gato.

Nenhum comentário: