quinta-feira, 24 de julho de 2008

Coisa linda de se ver

De José Newton (86) para Maria Ruth (79):



Obrigado, Ruth


Obrigado, Ruth, pelo que você foi e pelo que você é.

Obrigado pelo espírito enérgico de seu pai

e pela suave compreensão de sua mãe.

Obrigado pelos frutos amados

que seu ventre gerou.

Obrigado pelos 55 anos de conjugalidade e entrega.

Obrigado pela irradiação de seus olhos,

que são ontens acesos.

Obrigado pelo jardim das rugas,

flores em sua face.

Obrigada pelas noites que amanhecem

em auroras que riem.

Obrigada pelos joelhos em terra

e pelas mãos que laboram.

Obrigado por tudo.


José Newton.

Salvador, 21.07.2008

5 comentários:

denise disse...

querida ana,
fiquei parada aqui, vendo a linda fotografia deles dois, tão queridos, lendo e relendo o poema... comecei a chorar sem sentir!
que beleza!
obrigada, um grande abraço para todos desta família tão especial, denise.

Elinalva disse...

Como o título diz: COISA LINDA DE SE VER... e COISA LINDA DE SE LER.
é POR ISSO QUE EU AINDA ACREDITO NO AMOR.
BEIJO.

Casulo Temporário disse...

Queridas,
obrigada por suas palavras!
vocês podem imaginar também o quanto ficamos comovidos em casa. Ela (Ruth) não para de ler o poema, "n" vezes, como se fosse ainda uma jovem enamorada...
beijos!

Ana Clara disse...

Lindos! Realmente um exemplo de vida...

Maria Muadiê disse...

Que bonito, Ana. Eles são lindos, lembro deles no lançamento do seu livro e lembro de d. Rute, ainda mais longe, lááááá no Vieira.
Um beijo,
Martha