Feliz Natal!


O Rei sem manto e sem jóias,
nu como folha de erva,
distribui riquezas não tituladas.
Oferece a transparência
da alma liberta de cuidados vis.
As coisas já não são as antigas coisas
de perecível beleza
e o homem não é mais cativo de sua sombra.
A limitação dos seres foi vencida
por uma alegria não censurada,
graça de reinventar a Terra,
antes castigo e exílio,
hoje flecha em direção infinita.

O Rei Menino, de Carlos Drummond de Andrade, em Farewell (fragmento).

Desejamos a você um Feliz Natal e um 2009 cheio de paz, saúde e bem-querer.

Ana Cecília, Virgílio, Vítor e Ana Clara.

Comentários

Pavitra disse…

feliz natal pra vc tbm, minha querida!

viajo e voltarei em 2009!

então aproveito para desejar um ano melhor para nós todos, né?

e que tenhamos tempo de sobra para o tempo que não é dinheiro, mas arte!

e sejamos felizes por existirmos!

beijos, ana!

denise disse…
este casulo está cada vez mais lindo!
beleza pura em palavras e fotografias.
obrigada ana e mario vítor!
beijos e boas festas, denise.
Cosmunicando disse…
lindo esse poema, Ana... eu não o conhecia.
Um ótimo natal pra você e sua família, tudo de bom em 2009!!
Que possamos renovar nossos laços e continuar trocando poesia.
beijos
Janaina Amado disse…
Feliz Natal para você e sua família também, foi ótimo entrar em e-contato com você este ano!
Mariana disse…
Ana, querida!

Feliz Natal pra ti!
Conhecer você foi um dos presentes de 2008.

Que em 2009 haja grandes presentes pra todos nós.

beijos

Postagens mais visitadas