terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Para o Ano Novo...

...este brinde de Elisa Lucinda. Para todos nós!


A vida não tem ensaios
mas tem novas chances.
Viva a burilação eterna,
a possibilidade,
o esmeril dos dissabores!
Abaixo o estéril arrependimento,
a duração inútil dos rancores.
Um brinde ao que está sempre nas nossas mãos:
a vida inédita à nossa frente
e a virgindade dos dias que virão!

Fui buscar no Literapura (www.literapura.blogspot.com). Obrigada, Mercedes!

7 comentários:

Ianê Mello disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ianê Mello disse...

Maravilhosa poesia!

Parabéns pela escolha.

Vim lhe desejar um ano novo repleto em realizações, com muita paz, amor e esperança em seu coração.

Sei que talvez nem me conheça, mas sou sua seguidora há algum tempo.

Faça-me uma visita e deixe lá uma marca sua.

Beijos poéticos.

Mariana Botelho disse...

Ana,

que em 2010 o amor habite seus quintais feito pomar.

um beijo, querida.

Janaina Amado disse...

Um abraço de Ano-Novo, Ana Cecília, com os votos de mais poemas e mais beleza em 2010.

Gerana Damulakis disse...

Ana: um 2010 nota 10 para vc. Bjo.

Ianê Mello disse...

Bonita construção poética, repleta de lirismo.

Quero convidá-la pra conhecer os dois blogs que criei.

Um só de vídeos-poemas de minha autoria e outros tipos de vídeos.

O outro de pensamentos,reflexões, poemetos, versos, sempre aliados à imagens.

Aguardo sua visita e adesão.

Um beijo.

Raiça Bomfim disse...

Viva!